Pudor

  Pudor...

  Muito boa gente tem pudor desta palavra, desconhece-a ou gostaria de a desconhecer, ignora-a, diz que é um mito. Será? Para mim não.

  É uma realidade. É um dos factores que rege a nossa sociedade, que define os bons costumes, mas será mesmo necessária? Penso que cada um deve viver a vida da sua maneira, com ou sem pudores, mas deve igualmente respeitar os que a vivem de um modo diferente. Penso que sem os pudores seriamos todos diferentes, se calhar é necessária a existência de pudor para podermos definir o que está certo ou errado, e esses aspecto é indiscutivelmente necessário para apreender-mos a viver. Por isso será que o pudor é dispensável ? Talvez numas ocasiões, talvez noutras não... Não sei.

publicado por Rita Matias às 18:04 | link do post | comentar